Blog

Dionisos comemora 10 anos da peça “Migrantes” com apresentações gratuitas

Contemplado no Edital de Apoio às Artes do SIMDEC, o projeto “Temporada da peça Migrantes: 10 anos de História” terá sua realização em maio de 2018, no Galpão de Teatro da AJOTE.

Serão, ao total, 10 apresentações gratuitas para alunos de escolas públicas e público em geral. (Abaixo informações sobre as apresentações abertas ao público). Dessa forma, busca-se também contribuir para a formação de plateia, visto que serão realizados debates com os alunos após as apresentações. Nesses momentos, serão levantadas para discussão questões acerca da estética do espetáculo, bem como do conteúdo, que diz respeito à história e identidade do município de Joinville.

O espetáculo “Migrantes”, da Dionisos Teatro, teve sua estreia em 2007 através do Edital de Apoio do SIMDEC daquele ano, completando, em 2017, 10 anos de história. Nesta trajetória, a peça já fez 96 apresentações em Joinville e em diversos eventos e festivais pelo país, atingindo um público de mais de 15.400 pessoas.

A peça carrega algumas das características da linguagem da Dionisos Teatro, que são a dramaturgia própria e o trabalho com memórias. Nela, estão inseridas as memórias de migrantes da cidade de Joinville, principalmente de pessoas que fizeram parte da grande leva de migrantes que vieram para a cidade no processo de crescimento de oferta de mão de obra na indústria nos anos 70. O ponto de partida para a pesquisa foram as entrevistas existentes no laboratório de História Oral da UNIVILLE, coordenado pela professora Raquel Santiago.

 

Serviço:

Peça “Migrantes”

Dias 17 e 18 de maio

Horário: 19h30

Local: Galpão de Teatro da AJOTE (Rua XV de Novembro, 1338 – Joinville)

Gratuito

Histórico da Montagem:

Em 2010, Migrantes participou do 5º FENTEPIRA – Festival de Teatro de Piracicaba-SP, recebendo o prêmio Destaque de Intérprete para a atriz Andréia Malena Rocha.

Em 2009, participou do 37º FENATA – Festival Nacional de Teatro de Ponta Grossa-PR, e recebeu as seguintes premiações: Melhor Atriz Coadjuvante (Andréia Malena Rocha), Melhor Iluminação (Hélio Muniz) e Melhor Cenário (O Grupo). Indicação de Melhor Espetáculo Adulto, Melhor Direção (Silvestre Ferreira) E Melhor Ator (Eduardo Campos).

Em 2008, participou do 32º FESTE – Festival Nacional de Teatro de Pindamonhangaba-SP, recebendo várias premiações: 2º Melhor Espetáculo Adulto; Melhor Atriz Coadjuvante (Andréia Malena Rocha); Melhor Iluminação (Hélio Muniz), Prêmio de Pesquisa e Melhor Cenário.  Recebeu também as seguintes Indicações: Melhor Diretor (Silvestre Ferreira); Ator (Eduardo Campos); atriz (Clarice Steil Siewert) e Sonoplastia (Lausivan Correa e Vinicius Ferreira).

O texto dessa peça foi publicado no livro “DA CENA AO TEXTO – Babaiaga, Entardecer e Migrantes – Dramaturgia da Dionisos Teatro” em 2008.

Deixe seu comentário