Quem Canta um Conto Aumenta um Ponto

quem-canta-aumenta-um-ponto (4)

Deixe seu depoimento

Sinopse

Contar histórias é uma arte milenar. Acreditando na força das histórias, a Dionisos teatraliza e conta contos populares e literários de maneira lúdica, utilizando adereços e figurinos simples, divertindo e estabelecendo uma comunicação direta com o espectador.

Neste espetáculo, além de contar, vamos também cantar músicas escritas para crianças por Andréia Malena Rocha e Vinícius Ferreira. A idéia é criar um espaço de vivência artística, através da música, das histórias e cenas.

O fio que conduz o trabalho é o universo infantil, com histórias e músicas divertidas e poéticas, que falam de aspectos presentes na vida da criança: brincadeiras, pai, mãe, descobertas…

Estreia em junho de 2009.


Ficha técnica

Elenco: Andréia Malena Rocha, Clarice Steil Siewert, Eduardo Campos e Vinícius Ferreira
Texto: O grupo
Músicas: Vinícius Ferreira e Andréia Malena Rocha
Figurino e maquiagem: O grupo e Josélia Steil Siewert
Cenário: O grupo

Adereços: Sabrina Elisa e Ursula de Souza

Material Gráfico: Vinícius Ferreira

Produção: Manoella Carolina Rego

Agradecimentos: Hélio Muniz e Samuel Ivan Kühn

 

Duração: 35 minutos


Histórico e Premiações

  • 2011 | Participação no projeto Conexão Cultural Tigre
  • 2011 | Maratona de Contos do SESC – Joinville/SC
  • 2010 | Participação na programação do Palco Giratório do SESC – Joinville/SC
  • 2009 | Maratona de Contos do SESC – Joinville/SC

Sobre a Montagem

Desde o início de sua trajetória, a Dionisos Teatro sempre trabalhou com contação de histórias, tendo em seu repertório dezenas delas já teatralizadas. Em 2009, com o desenvolvimento do trabalho musical de Andréia Malena Rocha e Vinícius Ferreira, o grupo resolveu montar um espetáculo voltado para crianças a partir de 4 anos, juntando as histórias já conhecidas com as músicas recém-criadas para esse universo. Assim, com narradores que brincam com os sons e as palavras, as histórias e músicas refletem o universo infantil através de suas brincadeiras, invenções e descobertas.